FAQ – Tax Refund e Declaração de imposto no exterior

UAS-TR

Tendo em vista as diversas perguntas que as CSFers nos enviam sobre Tax Refund, o My CSF resolveu fazer um FAQ sobre o tópico. As perguntas foram respondidas por Marcelo Tanaka, um expert no assunto da empresa Taxback.com, líder mundial no assunto.

Vamos abordar mais especificamente dúvidas daqueles que trabalharam nos EUA porém também é possível reembolsar de outros países como Austrália, Reino Unido, Irlanda, Alemanha, etc.

Caso você se qualifique para receber o TaxRefund, você pode solicitar um cálculo do reembolso de forma gratuita e sem compromisso clicando AQUI ou entrando em contato por email.

Nessa FAQ encontrará respostas para as seguintes perguntas sobre Tax Refund:

– Por que devemos fazer a declaração?
– Como eu recebo o valor reembolsado? Conta no Brasil? Conta no exterior?
– Como sabemos se somos qualificados para um TAX REFUND?
– Existem diferenças nos procedimentos de cada estado? E se você estudou num estado e trabalhou em outro, como deve proceder?
– Qual é o prazo para fazer a declaração?
– Qual é o prazo para receber?
– Nosso visto é J1. Quais as diferenças para preencher? Por ser J1, recebemos mais do que outros?
– Quais são os documentos necessários?
– Precisa do W2?
– Como faço para reaver os documentos que perdi?
– Qual é a % do valor pago que você consegue reaver?
– Existe um passo-a-passo para a declaração?
– Qual o problema em fazer por conta própria?
– Qual o maior erro das pessoas ao fazer a declaração?
– Quais são os procedimentos que devemos tomar?
– Existe uma calculadora online para fazer a estimativa? Se sim, como usar?
– Qual o benefício de fazer o processo com a Taxback.com?

CTA-MYCSF

Por que devemos fazer a declaração?

Além é claro, da possibilidade de receber um reembolso em dinheiro, de acordo com as regras impostas pelo IRS, todos os estrangeiros vivendo nos EUA com vistos que permitem atividade remunerada devem apresentar uma declaração de renda. É muito importante estar em dia com suas obrigações fiscais, evitando assim problemas principalmente caso um dia pense em voltar a solicitar um visto para os EUA.

Como eu recebo o valor reembolsado? Conta no Brasil? Conta no exterior?

O dinheiro reembolsado será depositado pela TaxBack.com na conta corrente do cliente, seja no Brasil (ou em outro país) e moeda local.

Como sabemos se somos qualificados para um TAX REFUND?

Em termos gerais, qualquer estrangeiro que tenha trabalhado legalmente de maneira temporária pagando impostos tem direito a algum reembolso.

Existe diferenças nos procedimentos de cada estado? E se você estudou num estado e trabalhou em outro, como deve proceder?

O processo estatal deve ser realizado junto à administração fiscal do estado onde você trabalhou pois o empregador recolheu os impostos trabalhistas alí. Já os procedimentos federais são sempre realizados junto ao IRS.

Qual e o prazo para fazer a declaração?

O prazo para declaração é de 4 anos fiscais.

Qual é o prazo para receber?

O tempo de processamente varia de acordo com o tipo de aplicação:

  • Impostos federais: 3 meses;
  • Impostos estaduais: 3 a 6 meses (dependendo dos estado);
  • FICA (medicare): 6 meses ou mais.

Nosso visto é J-1. Quais as diferenças para preencher? Por ser J-1, recebemos mais do que outros?

Há pelo menos 9 tipos de visto que permitem ao portador trabalhar nos EUA sendo o J-1 um deles. Mais que a diferença entre um visto e outro, os seus ganhos, impostos pagos e tempo total de permanência no País serão os fatores determinantes no momento do cálculo.

Documentos:

Quais são os documentos necessários?

Os documentos necessários são:

  • Formulários devidamente preenchidos e assinados;
  • Cópia do W2 ou último paycheck;
  • Cópia do “Social Security Card”;
  • Cópia do visto no passaporte;
  • Recibos e outros documentos de comprovação de despesas que variam de caso a caso.

Precisa do W2?

O W2 ou resumo de renda e impostos é importante porém não totalmente necessário. Na falta do mesmo pode-se usar o último paycheck de cada emprego.

Como faço para reaver os documentos que perdi?

Caso tenha perdido seu W2 ou paycheck, a taxback.com pode ajudar na recuperação dos mesmos junto ao antigo empregador ou ao IRS nos EUA através de escritórios locais.

Qual é a % do valor pago que você consegue reaver?

O percentual a ser reembolsado varia de caso a caso e depende de 4 fatores principais:
– Total de ingressos;
– Total de impostos pagos;
– Estado onde trabalhou (alguns estados devolvem impostos locais);
– Se pagou o FICA (medicare) ou não.
Para se ter uma idéia de quanto, os intercambistas do CSF que trabalham durante o verão recebem me média $650 dólares de reembolso, entre impostos federais e estaduais.

Existe um passo-a-passo para a declaração?

Como as declarações de impostos dependem da avaliação de fatores extremamente pessoais, não existe nenhum guia ou manual oficial que englobe todos os casos.

Qual o problema em fazer por conta própria?

Um processo de declaração fiscal nos EUA envolve apresentação de vários documentos e formulários e pode parecer até simples a olhos leigos, porém existem centenas de variáveis a serem consideradas já que um pequeno erro pode trazer consequências desagradáveis como cobrança de multas, atrasos para obter vistos e cobranças por parte do governo americano.

Qual o maior erro das pessoas ao fazer a declaração?

Por nossa experiência atendendo mais de 300.000 casos ao ano, o erro mais comum ao declarar os impostos por conta própria é o de preencher os formulários que não se aplicam ao seu status fiscal. O IRS vai sempre acreditar que o aplicante sabe o que está fazendo (pois ele assinou embaixo daquilo que declarou). Existem casos de pessoas que apresentam declarações com formulários errados e recebem reembolsos mais altos que aquilo que seria de direito e são intimadas a devolver o dinheiro com juros e multas por uma tentativa (ainda que involuntária) de fraude fiscal.

Quais são os procedimentos que se deve tomar?

Para realizar o pedido de reembolso de impostos com a taxback.com, basta preencher os dados de contato em nosso formulário online específico para os CSFers e aguardar o contato do assessor que guiará todo o processo.

Existe uma calculadora online para fazer a estimativa? Se sim, como usar?

Sim, no site da taxback.com existe uma calculadora para estimativa instantânea, na qual são solicitadas as informações básicas contidas no W2 como valor total recebido, impostos pagos etc. Quanto mais precisas as informações digitadas, mais precisa a estimativa.

Quais os benefícios de fazer o processo com a Taxback.com?

Há vários benefícios e eu cito abaixo os mais importantes:
Comodidade: Você será atendido por um assessor e preencherá todos os formulários em português sem necessidade de pagamentos adiantados. A taxa de serviço será descontada do reembolso.
Comodidade: Você será atendido por um assessor e preencherá todos os formulários em português.
Segurança: Você poderá ter certeza de que seu processo nos EUA está sendo realizado por profissionais altamente capacitados e atualizados para garantir que você receba o máximo reembolso legalmente possível.
Confiança: Você receberá um cálculo sem compromisso do valor a reembolsar calculado por nossos contadores antes da realização da aplicação. Se você não tiver direito a reembolso, não necessita pagar por nosso serviço.
Trackability: Você poderá acompanhar o andamento do processo em tempo real através de sua conta online no sistema TaxTracker® por inclusive poderá atualizar seus dados e fazer upload dos documentos necessários.

Ficou com alguma dúvida?? É só preencher o formulário online específico para os CSFers, que eles entrarão em contato e você poderá tirar outras dúvidas pontuais.

E não hesitem em deixar comentários aqui na postagem dizendo se ela foi útil ou não e também colocando novas dúvidas. Só assim, conseguiremos sanar todas as dúvidas de vocês!

Um grande abraço,

Equipe My CSF

 

Sobre: Peirol Gomes

Aluno do último ano do curso de Engenharia de Gestão da UFABC. Fui estudante do Ciência sem Fronteiras na University of Alabama in Huntsville e também na Stanford University. Ao voltar do programa decidi criar uma forma de auxiliar os estudantes dele e criei o My CSF. Hoje, vejo o Ciência sem Fronteiras como uma das principais formas de transformação da sociedade brasileira. Apaixonado por empreendedorismo e por educação, sonho em melhorar o ensino universitário brasileiro a ponto de ver ele bem situado nos rankings internacionais.

Comentários

Deixe aqui seu comentário